Já está disponível a 3ª edição do VADE MECUM

INSCREVA-SE

NOTÍCIA

  16 de agosto de 2019

Elmano Férrer destaca papel de integração nacional do Projeto Rondon

Para Elmano, o projeto assume grande relevância por oferecer ao jovem a oportunidade de conhecer o Brasil.

O senador Elmano Férrer (Podemos-PI) destacou em Plenário, nesta quinta-feira (15), a importância do projeto Rondon para a integração nacional. Ele lembrou que a iniciativa surgiu em 1967, quando 30 estudantes universitários e 12 professores do então estado da Guanabara (atual estado do Rio de Janeiro) decidiram fazer uma missão no então território de Rondônia.

O programa, ressaltou o parlamentar, permitiu ao universitário de uma região conhecer a realidade de outras localidades compartilhando conhecimentos, experiências e avanços para os demais estados do país. Para Elmano, o projeto assume grande relevância por oferecer ao jovem a oportunidade de conhecer o Brasil.

Por outro lado, observou o senador, é preocupante a situação de milhares de estudantes de nível superior que não conseguem se colocar no mercado de trabalho.

— De 208 milhões [de brasileiros], só 10 milhões e pouco viram universitários. Isso me preocupa porque eu vejo, em várias regiões do país, muitos desses jovens egressos dessas instituições, formados em várias áreas do conhecimento, áreas profissionais, desde a área de saúde, a área de engenharia, muitos, sobretudo, onde temos as maiores faculdades, aquelas ligadas às ciências sociais, a parte das ciências humanas. Eu sei a frustração de muitos jovens egressos dessas instituições que não encontram, no mercado de trabalho, um local para exercer suas atividades — disse.

Em seu pronunciamento, Elmano Férrer também registrou a passagem do 167º aniversário da capital Teresina e o 175º aniversário da cidade de Parnaíba, no litoral piauiense, que recebeu nesta quinta-feira (15) o presidente Jair Bolsonaro na programação comemorativa.

Fonte: Agência Senado