Já está disponível a 3ª edição do VADE MECUM

INSCREVA-SE

NOTÍCIA

  07 de maio de 2019

Senador Elmano Férrer e Ministro Gustavo Canuto visitam Tabuleiros Litorâneos

O senador Elmano Férrer levou o Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, a Parnaíba para conhecer o projeto dos Tabuleiros Litorâneos, maior projeto de agricultura irrigada da região Norte do Estado.

“Nós temos que concluir esse projeto. Já acompanhei visitas ao Ministério do prefeito, fui com o senador João Vicente na época que eu ainda era prefeito de Teresina. Esse projeto não se conclui. Está se produzindo alguma coisa, mas tem que se produzir muito mais. Esse projeto tem que ser concluído. Projeto que vai gerar emprego, renda, riquezas. Tem que produzir o que agrega valor e que gere renda. Queremos a conclusão desse projeto que já tem mais de 30 anos”, afirmou Elmano.

O Ministro Gustavo Canuto informou que não há recursos previstos para a segunda etapa, mas será buscado a viabilização. “Visitando os Tabuleiros Litorâneos uma importante obra, que gera emprego e renda. Isso que o Desenvolvimento Regional espera, ou seja, que obras como essas possam ser ampliadas. Vamos fazer todo esforço para isso. Estamos em momento de ajuste fiscal e com recursos escassos. Queremos gerar emprego e renda. Não temos recurso para toda a segunda etapa, mas vamos trabalhar para isso. Conseguir que ela seja finalizada até agosto do ano que vem. Senador Elmano nos falou da importância desse espaço e viemos aqui ver os Tabuleiros. O compromisso do Governo é manter os Tabuleiros, ampliar e finalizar a segunda etapa”, contou.

O Diretor geral do DNOCS Ângelo Guerra e o presidente da Codevasf Marco Aurélio também estiveram na comitiva que visitou o Tabuleiros Litorâneos.

O senador Elmano Férrer acompanhará o Ministro Gustavo Canuto no Congresso das Cidades, que ministrará palestra nesta terça-feira, dia 7. “Um evento muito importante para os municípios, que traz inovações tecnológicas, com relação a gestão municipal. Muitas autoridades prestigiando e trazendo as contribuições dos órgãos”, ressaltou Elmano.